CA3169D2-0C5D-4853-8E64-A40DA42568A7.jpe

Por

ETIENE BAHÉ

Assessora de Imprensa e Gestora de Mídias Sociais na ATI / PE e na SUCESU / PE

  • Sucesu PE

Coluna Tech

Atualizado: 1 de fev.

Instagram


A Meta, empresa que administra o Instagram, criou uma bonificação de até US$ 10 mil para produtores que publicarem Reels com mais frequência em suas contas do Instagram. A medida visa afastar os influenciadores de concorrentes como o Tik Tok e o Youtube Shorts. Ano passado o Instagram agradou seus participantes ao acabar com o seu “arrasta pra cima” - ferramenta usada para acessar links nos Stories, limitado aos que possuíam mais de 10 mil seguidores.

De outubro passado para cá existe a figurinha de link para que qualquer um dos seus usuários possa adicionar o link. Também houve o retorno das curtidas e a liberação dos posts pelo computador, além da integração Direct com o Messenger, que permite a troca de mensagens entre usuários de ambas as plataformas.

O aplicativo também ganhou o Remix, recurso parecido com o dueto do Tik Tok, a opção dos posts com dois autores, batizado de Collabs, e ainda a função de incluir músicas em fotos do feed, além da função “Use a sua”, que permite criar uma corrente em torno de um tema no Stories. Outra mudança que encheu os olhos e ouvidos dos seguidores foi a ampliação do time do Reels para 60 segundos, mesmo sendo um terço do limite do Tik Tok, já conseguiu agradar muita gente.

Fonte G1.


Apple


No primeiro dia útil do ano, a Apple se tornou a primeira empresa a atingir US$ 3 trilhões em valor de mercado (cerca de R$ 17 trilhões). A gigante de tecnologia superou a marca por alguns minutos, em meio projeções positivas de investidores por causa das novas linhas de iPhone e MacBook. A conquista da marca histórica aconteceu pouco mais de um ano e quatro meses depois que a Apple já havia estreado o "clube dos 2 trilhões de dólares", em agosto de 2020.

Segundo analistas, a Apple continua a se valorizar porque tem conseguido ampliar as vendas de seu carro-chefe, o iPhone, ao mesmo tempo em que cresce com outros produtos e serviços e se prepara para chegar ao mercado com novos aparelhos de realidade aumentada e virtual, além de carros autônomos.

Fonte: Exame


Soluções tecnológicas


O mercado de capitais vem se popularizando. O recente lançamento da Bolsa de Valores da Favela, uma iniciativa do G10, bloco liderado pelas comunidades com maior potencial econômico, em parceria com uma plataforma para investimentos, é exemplo disso. O que vale ressaltar é que o apoio das novas tecnologias tem sido fundamental. Conheça algumas soluções tecnológicas para ajudar a investir com segurança, mesmo com pouco dinheiro:

NFT = significa tokens não fungíveis. A tokenização possibilita a negociação total ou parcial dos ativos reais no mercado secundário, por meio de uma plataforma de Exchange.

Mesa proprietária = O sistema de mesa proprietária ou “prop trading” é ainda pouco conhecido aqui no Brasil, porém bastante comum nos Estados Unidos. Associar-se a uma mesa proprietária tem se tornado uma das alternativas mais procuradas para ingressar na bolsa de valores. Uma das vantagens é poder investir sem arriscar o próprio capital.

Ecossistemas digitais = Há diversos apps interessantes, com vários recursos e a possibilidade de acesso a informações estratégicas em tempo real. Ex: Dividendos.me. TOP Gain. App Renda Fixa.


Fonte: Infor Channel


WhatsApp


O WhatsApp vem ajudando seus usuários a economizarem tempo e dinheiro. Ano passado, o aplicativo lançou opções para acelerar a reprodução de mensagens de áudio e fazer transferências bancárias sem tarifas.

Para ouvir um áudio, além da velocidade normal, é possível ouvir a gravação nas velocidades 1,5x ou 2x. A solução já era conhecida pelos usuários do Telegram, que já vinha escutando na velocidade 2x.

O aplicativo não cobra taxas para transferências de dinheiro. Só exige um PIN (senha) do Facebook Pay e o cadastro de um cartão pré-pago ou de débito de um dos bancos parceiros. É possível enviar até R$ 1.000 por transações. O limite mensal é de R$ 5.000 para envios e R$ 5.000 para recebimentos. Cada usuário pode receber, no máximo, 20 transferências por dia.


WhatsApp Web sem celular


O WhatsApp Web agora dispensa a necessidade de um celular para acessar conversas. O smartphone é usado apenas no primeiro acesso e, depois, é possível enviar e receber as mensagens mesmo que ele esteja desconectado. Com a nova versão, o WhatsApp Web pode ser acessado em até quatro computadores e funcionar de forma independente em cada um deles.

Fonte: G1

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Twitter A rede social Twitter foi vendida na segunda (25) por US$ 43 bilhões para o bilionário Elon Musk . O acordo foi concretizado após as partes concordarem com o valor de US$ 54,20 por ação. Fonte

Twitter O fundador da Tesla, Elon Musk, se tornou o maior acionista individual do twitter, além de membro do conselho. Seu primeiro movimento foi lançar uma enquete sobre a necessidade de um botão de

Golpe Tem um ditado que diz “Quando a esmola é grande, o cego desconfia”. Desconfie você também. Toda vez que se tem algum novo serviço lançado, os criminosos cibernéticos entram em cena. Mês passado